EAZA Annual Conference

  • EAZA Annual Conference

Especialistas de várias instituições membros da EAZA, entre os quais um grande grupo de profissionais vinculados à AIZA, debateram sobre os importantes esforços em conservação ex-situ, levados a cabo pelos zoos e aquários, assim como a importância de existir uma rede de colaboração em questões de conservação ex-situ.

Analizaram-se as novidades da EAZA Collection Plans, através da realização de mais de 100 sessões monotemáticas, apresentações, reuniões, sessões plenárias.

Durante as sessões foram apresentados os resultados da campanha Silent Rorrest e lançou-se a próxima campanha 2020-2021, dedicada ao uso sustentável dos recursos marinhos.

A intervenção de José Maldonado, Presidente da Rainforrest colocou novos desafios e distinguiu-se ao expressar a necessidade de "integrar as duas capacidades da compreensão humana, a intelectual e a emotiva, para puder fazer conservação e sobretudo, para se consciencializar sobre a mesma". Lançou também um apelo à EAZA e à IUCN ( União Internacional para a Conservação da Natureza) para a "criação de um Comité multidisciplinar que integre os conceitos universais e humanistas, eliminando a demagogia e enfrentando desafios reais"

A Diretora Executiva, Myfanwy Griffiith, destacou o compromisso com a transparência da EAZA no "envolvimento ativo necessário dos seus membros". Referiu também, com dados, o impacto na preservação, destacando a incorporação de 40 novos EEPs (Programa de Reprodução de Espécies Ameaçadas) nos cerca de 400 EEPs e ESBs. Insistiu no excelente trabalho realizado na conservação dos habitats de origem dos animais, com um investimento de 16 milhões de euros, repercutindo-se no beneficio de mais de 300 espécies.

As 3 sessões plenárias centraram-se em "Campanhas de conservação", "Conservação ex-situ" e "Construir colaborações para proteger a natureza".

A conferência teve 3 eixos principais:

- um apelo à situação de emergência em relação à saúde do nosso planeta e à perda da biodiversidade irrecuperável

- o papel das instituições membros, na consciencialização sobre a conservação. Além de continuar o trabalho incansável pela preservação de espécies em cativeiro como reserva ou banco genético e colaborando na conservação dessas espécies, não nos podemos esquecer que mais de 140 milhões de pessoas visitam as instituições membros da EAZA, todos os anos.

- e finalmente, a maneira pela qual podemos acelerar essa mudança, que atinge o compromisso de todos e cada um de nós nessa conservação. Foi esse o desejo expressado pelo Presidente da Rainforrest: "Eu acho que a impressão produzida por essa beleza é a que completa e dá sentido ao nosso trabalho. Proponho uma estratégia baseada na intuição, que acrescenta à educação, bem estar e conservação animal, a arte. Porque o objetivo da arte é fixar a realidade, valorizando-a



Comparte:

Get in touch

AIZA é um membro de...

Aiza ©  Todos os direitos reservados